Festival Diwali e a Deusa Lakshmi

Atualizado: 8 de nov.

Conheça e canalize essas grandes energias para a sua vida!

O Festival Diwali é uma festividade hindu em honra às luzes e aos Deuses, em especial à Deusa Lakshmi.


A palavra Diwali vem do sânscrito: DEEP (luz) e AVALI (fileira), significando, assim, “Fileira das Luzes”.

Durante os dias do festival, as ruas são iluminadas e soltam-se fogos de artifícios. Como o seu nome já explica, um festival que ilumina cada canto do país.


Cada dia da comemoração tem sua lenda e Deuses que são homenageados, e isso difere dependendo da região, mas, independente disso, o espírito da festa sempre é de brilho, alegria, purificação, amor e paz.


Em especial, quero ressaltar as homenagens à Deusa Lakshmi e as festividades do último dia, que contempla a relação entre os familiares, sendo uma parte linda do festival, em que todos são convidados a esquecer e perdoar seus irmãos.


Talvez o mais importante da comemoração do Diwali é seu significado espiritual, da vitória da luz sobre as trevas, do conhecimento sobre a ignorância, do bem sobre o mal - mal, esse, que existe dentro de cada ser humano.

Para comemorar o Diwali, as casas são limpas e decoradas com flores, são usadas também imagens de Lakshmi, assim como as diye, que são pequenas lâmpadas indianas. Tudo é muito lindo e colorido - as ruas, pessoas e até mesmo as vacas, sagradas para os hindus, são decoradas.


As famílias se visitam e trocam presentes, celebram com comidas tradicionais, como bolos de arroz e os doces. São consumidos muitos doces, nessa época, para celebrar o amor e a doçura. Os altares dos templos e das casas são decorados com guirlandas de flores e com desenhos tradicionais, super coloridos.


Acredita-se que toda iluminação das casas é usada para expressar a saúde, a riqueza, o conhecimento e a prosperidade, e os fogos de artifício serviriam para levar, até os Deuses, as notícias da alegria e da prosperidade do povo.

Essas luzes iluminam não apenas os lares, mas também os nossos corações, trazendo a esperança de viver e fazendo com que nós nos comprometamos com as boas ações, que nos elevam e fazem com que cheguemos mais perto do divino.


Deusa Lakshmi

Como mencionei acima, o Diwali é bastante ligado a uma Deusa que eu, particularmente, adoro.


Lakshmi é a Deusa indiana que não só é personificação da fortuna e riqueza, mas também a corporificação da amabilidade, da generosidade, do encanto, da beleza, da fartura e da saúde. É cultuada como uma Deusa da riqueza material e da liberação do ciclo de vida e morte.


Lakshmi, em sânscrito, significa a energia da abundância. No geral, considera-se a abundância como sendo mera prosperidade, mas é muito mais que isso, ela representa as diversas formas de abundância, tanto a abundância espiritual quanto abundância no plano físico.

A abundância de amigos, de comida, de bens materiais, de saúde e de boas relações entre a família, assim como a compaixão, o amor materno, a simpatia e o fluxo constante de sabedoria espiritual provida pela força divina estão incluídos em seus princípios, sendo o amor o estado supremo da abundância.

Você pode se conectar com as energias maravilhosas de Lakshmi de diversas formas, como por exemplo:


  • Utilize regularmente o mantra de Lakshmi:

Om Shrim Maha Lakshmiyei Swaha

OM: som do chacra onde se encontram as energias masculinas e femininas.

SHRIM: som que corresponde ao princípio da abundância.

MAHA: significa “grande”, nesse mantra denota tanto quantidade quanto qualidade.

LAKSHMI: representa a Deusa, uma força feminina muito poderosa, cujo uso contínuo de seu nome gera grande energia criativa.

SWAHA: significa “eu saúdo” e também está relacionado com a manifestação da energia do plexo solar.

  • Faça um programa de gratidão durante 21 dias, agradecendo tudo que tem, para se ligar à frequência da abundância;

  • Acenda velas (sempre cuidando para não haver acidentes e escolhendo locais seguros para acender) em cada cômodo da casa, no seu altar ou local de poder, nas cores: Rosa, para o amor; Amarela ou dourada, para atrair prosperidade, abundância e dinheiro; Branca, para a paz e harmonia;

  • Cozinhe com açafrão pedindo para a Deusa trazer aberturas;

  • Encha a casa de flores amarelas, como crisântemos, rosas e vasos de manjericão;

  • Queime louro e canela (em um local seguro) para abertura de prosperidade;

  • Faça um banho para trazer a riqueza do Mundo Espiritual e do Mundo Material usando um maço pequeno de manjericão e as pétalas de duas rosas brancas.


Você ainda pode fazer um ritual maravilhoso, que eu sempre uso, que vem do livro “O Oráculo da Deusa”, da escritora Amy Sophia Marashinsky:



Flua com Lakshmi

Reserve um horário e um lugar em que você não seja interrompida. Você vai precisar de papel e caneta. Faça uma lista de tudo o que você tem na vida. Por exemplo: lar, companheiro, amigos, filhos, alimento, talento, beleza, roupas, saúde, animais, etc. Quando terminar, sente-se ou deite-se, com a coluna reta, e feche os olhos. Respire profundamente. Respire fundo outra vez e inale a energia dourada docemente perfumada. Quando você soltar o ar, essa energia dourada de cheiro doce vai circular por seu corpo. Faça isso novamente. Agora sinta, perceba ou visualize a entrada de um túnel: ele pode ser um túnel que você já conhece ou um imaginário. Entre nele. Lá dentro, é agradável e bem iluminado e, à medida que você avança, fica mais profundamente relaxada. No final do túnel, há um caminho que a leva até um enorme tanque com flores de lótus. Nas margens do tanque, há almofadas suntuosas, as roupas mais luxuosas que você já viu e algumas jóias requintadas. Vista as roupas, use as jóias, sente-se nas almofadas. Diante de você, surgem alimentos e bebidas numa quantidade indescritível. Quando estiver à vontade e refrescada, volte o olhar para o tanque. Enquanto você observa, uma enorme flor de lótus começa a se abrir, revelando Lakshmi em todo seu esplendor. Ela lhe pede a sua lista, e você a entrega agradecendo a ela pela abundância que há agora em sua vida e pedindo abundância nas áreas em que for necessário. Ela também pede que você lhe dê um símbolo físico palpável que represente essas áreas da sua vida. Ao entregá-lo, você tem uma profunda sensação de alívio. Você sente o deleite de saber que ela está tomando conta desses aspectos da sua vida. Agora é hora de voltar.


Você se despede de Lakshmi e agradece mais uma vez. Ela lhe diz para ficar com as roupas e as jóias. Enquanto ela fala, as roupas e as jóias se dissolvem e se tornam parte de você. Você fica com a sensação de que ainda está ricamente vestida, e segue pelo caminho de volta, atravessando o túnel agradável e bem iluminado; sai dele, respira fundo e, à medida que solta o ar, volta ao corpo. Quando sentir que está pronta, abra os olhos.

Seja bem-vinda!


 

Agora, aproveite a energia maravilhosa de Lakshmi, conecte-se e canalize essa luz toda para a sua vida!

 

153 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Blog Janinne.png